Bate e volta por Dalkey e Dun Laoghaire

No último post falei de dois lugares para conhecer ao norte de Dublin, passeios bate e volta, de um dia. Escrevi sobre Skerries e Malahide, duas cidades para você aproveitar, principalmente no verão, pois são litorâneas, mas que também são sempre bons destinos em qualquer época do ano… nem se for só para relaxar e curtir um lugar diferente.

Para quem não leu ou quer ler outra vez as dicas sobre esses dois lugares incríveis é só clicar aqui.

Na publicação de hoje também vou falar sobre duas cidades para conhecer em um dia de passeio… bate e volta. Mas, agora, são dois lugares ao sul de Dublin… Dalkey e Dun Laoghaire.

As duas cidades estão a certa de 30, 40 minutes de Dublin, também estão à beira mar e ficam cheias de gente no verão, mas vale o passeio em qualquer época do ano.

Vamos à primeira cidade, Dalkey.

A vila, que é onde fica a residência oficial no país dos cantores Bono Vox, The Edge e Enya, é um dos lugares considerados mais chiques aqui nos arredores de Dublin. Se é que alguém não os conhece… Bono é o vocalista da famosa banda U2, The Edge é o tecladista e baterista da mesma banda (U2) e Enya também é uma cantora e compositora irlandesa.

(*)

Além de passear pela região onde estão as casas do Bono, The Edge e Enya – todo mundo ama fazer isso, mesmo não sendo possível chegar muito perto -, a vila tem também suas atrações turísticas.

Dalkey tem 7 castelos, mas o mais conhecido acredito que seja o Dalkey Castle, chamado também de Goat Castle. Todo mundo fala que o tour dele é muito legal, pois conta com atores, que representam os antigos moradores, e faz você voltar ao passado e viver a experiência completa.

O Dalkei Castle está muito bem conservado e traz muita coisa real do seu passado. O tour por lá, que dura cerca de 45 minutos, conta a história da cidade e do castelo.

O centro da vila é uma graças…. bem carinha de interior da Irlanda, com seus pubs,  lojas, e castelos. Só na rua principal de Dalkey, a Castle Street, por exemplo, tem dois castelos, o Archibald’s Castle e o conhecido Dalkey Castle, ambos do século XVI. Os castelos, juntos com as construções mais novas da cidade, formam uma fotografia linda do lugar.

Nessa região fica ainda a Igreja de Santa Begnet, que é do século IX e o Castelo de Bulloch, do século XII.

Do centro da cidade, você pode ir andando para a região que fica o Porto e a Ilha de Dalkey. A ilha não é habitada, mas segundo a história, no período Mesolítico e na Idade da Pedra ela já foi e também já foi base para os Vikings.

Hoje em dia, só tem coelhinhos pulando de um lado para o outro. Você consegue vê-los do continente, rsrs (aí de onde estávamos na foto). Ou ainda pode vê-los de perto, por que é possível visitar a ilha. Na ilha tem ruínas de uma igreja que era dedicada a Santa Begnet, padroeira da cidade; restos de casas e um forte, chamado Martello Tower.

E para você que é fã da banda U2, é legal falar do Finnrgan’s Pub, que é frequentado por Bono e The Edge. Se você tiver sorte pode encontrar com eles por lá.

É legal falar que a vila começou como uma colônia Viking e foi um porto importante para a Irlanda durante a Idade Média. Dalkey é história pura.

Dalkei está a a 15 km de Dublin, e você pode chegar lá de trem ou pelo ônibus 59, 7A e 8.

Na minha próxima visita à região, que espero ser logo, quero visitar o Killiney Hill Park, que fica entre Dalkey e Killiney. Todo mundo fala que o parque é muito legal, ótimo para se conectar com a natureza, relaxar e admirar do alto de suas colinas a linda visão das vilas que ficam na redondeza, da praia de Killiney, das montanhas de Wicklow e até mesmo um pouco de Howth, ao norte de Dublin.

E, agora vamos falar sobre Dun Laoghaire, outra cidade ao sul de Dublin, que já fui várias vezes e adoro voltar.

Já nem sei quantas vezes eu fui para Dun Laoghaire. Já fui para lá com amigos, namorado e com a família que eu trabalhava como au pair. Sempre que o clima está bom a cidade é uma ótima escolha para relaxar, curtir o sol ou comer em um pub delicia que fica de frente ao mar (vou falar do pub mais para baixo).

Mas, antes de falar sobre a cidade, você deve estar pensando como se fala esse nome estranho… hahaha… Dun Laoghaire….é mais ou menos assim “Dun leary”. É bem difícil mesmo. Já vi as pessoas tentando falar das mais diferentes e engraçadas formas. O importante é que a cidade é uma graça e vale o passeio.

Em Dun Laoghaire você tem que passear pela Marina que, talvez, seja o principal ponto turístico da cidade. Todo mundo vai para lá, principalmente no verão, para aproveitar o sol e caminhar pelos dois calçadões enormes que beiram a Marina da cidade, onde ficam muitos barcos e pessoas praticando esportes aquáticos.

Aliás, é legal falar que é muito forte a prática de esportes aquáticos em Dun Laoghaire…. mergulho, velejo, regata, qualquer um. Muita gente vai para lá, ou para praticar ou para assistir alguma competição. A cidade tem esse diferencial.

Bom, mas voltando aos piers de Dun Laoghaire, rsrs. O calçadão mais conhecido e movimentado é o East Pier. Ele tem 1,2 km e é lotado de gente caminhando… famílias, grupo de jovens, barraquinhas de comida, músicos. É uma delícia passear por lá, ver os pássaros, as pessoas, o farol, comer e relaxar.

Mas, se você quiser uma caminhada mais tranquila, é melhor ir ao West Pier, que tem 1,5 km e fica mais próximo da estação de trem e longe do centrinho da cidade. Lá você também pode visitar um dos faróis de Dun Laoghaire, que é de 1852. O lugar é muito gostosinho.

Um dos passeios mais legais para fazer em Dun Laoghaire é o de barco, que vai até Howth. O tour dura cerca de 70 minutos e passa por ilhas e pontos que não são possíveis chegar por terra. O passeio custa 22 euros e não ocorre durante o final do outono o inverno.

Em Dun Laoghaire você pode ainda visitar o People’s Park, que é uma graça e fica no centrinho da cidade. Lá é ótimo para comer e relaxar, principalmente aos domingos, que tem uma conhecida feirinha gastronômica e de artesanatos.

Falando em comida, em Dun Laoghaire você não pode deixar de experimentar o sorvete do Teddy’s. É uma delicinha e, no verão, as pessoas formam filas e filas nas suas duas unidades. Uma delas fica na 2-6 Marine Rd, e a outra na 1a Windsor Terrace.

E ainda no assunto de comida, rsrs…como falei lá em cima, Dun Laoghaire tem um lugar que super recomendo ir para comer e beber, o pub The Forty Foot. Muito legal, de frente para o mar e barato de verdade (para você ter uma ideia, qualquer pint – copo de 500 ml, tradicional na Irlanda, para beber cerveja – em Dublin, você não encontra por menos de 5 euros. Nesse pub, você consegue beber uma pint, de cervejas boas e conhecidas a partir de 2,50 euros).

(*)

A cidade também tem o Museu James Joyce e o Museu Marítimo. Como eu sempre vou a Dun Laoghaire no verão, quero curtir o sol na beira do mar e não entrar em um museu, rsrs. Mas, para quem gosta deve ser legal. O primeiro fala da vida e da obra James Joyce, que foi um escritor irlandês expatriado, e um dos autores mais importantes do século XX. Já o Museu Marítimo, traz a história marítima, a exploração aos mares, guerras, navegação e artes ligada ao mar.

É legal falar ainda que em Dun Laoghaire saem Ferries (balsas) para a Inglaterra e para a França.  Então para quem não gosta de avião ou quer fazer uma viagem diferente vale pesquisar sobre essa opção.

Dun Laoghaire fica a 12 km de Dublin e você também consegue chegar até lá por trem ou ônibus. É só pegar qualquer trem que vá em direção Bray ou Greystones ou os ônibus 46A, 59, 63 e 75.

Essas foram minhas dicas sobre duas das cidades ao sul de Dublin. Muito legais e ótimas para passear. Mas, aqui, próximo da capital irlandesa, tem muito mais lugares para visitar e vários deles, eu ainda não conheço. Aos poucos, espero conseguir visitar tudo que a ilha esmeralda oferece.

(*) Foto de Bono Vox e The Edge retirada do link.

(*) Foto do Pub The Forty Foot retirada do site oficial.

Texto e (demais) fotos by Flávia Pigozzi.

Acompanhe outras dicas e informações em nosso canal no facebook. Curta #viveajantes. Veja nossa galeria de fotos no Flickr, inscreva-se em nosso novo canal de vídeos no Youtube nos siga no Instagram. Entre em contato, mande suas críticas, sugestões, contribuições via e-mail: viveajantes@bol.com.br  . E não perca nossas postagens. Novo conteúdo todas as semanas.

Veja nossa galeria:

 

O que você achou dessa postagem?
  • As dicas são fantásticas (3)
  • Deu muita vontade de viajar (1)
  • Sensacional (0)
  • Incrível (0)
 

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *