Dicas pra passar o Ano Novo em Madrid

Já que estamos em dezembro, hoje eu vou voltar a Espanha e contar como foi passar o final de ano e a festa de Ano Novo em Madrid.

Como falei no meu segundo texto sobre Toledo, no final do ano passado, fiquei uns dias na Espanha… voltei a Madrid, Toledo e Barcelona. Todas essas cidades eu já tinha visitado antes e já havia também falado sobre elas aqui no Blog (Madrid ; Toledo ; e Barcelona ).

8-madrid-1

2-toledo-8

5-06012016-img_4914

Dessa vez, quero “completar” informações sobre os lugares da Capital Espanhola, contar sobre os novos pontos que conheci na cidade e comentar sobre minha festa de réveillon.

Ficamos 4 dias passeando por Madrid e região… três em Madrid e um em Toledo. Foi um tempo bom para fazermos tudo que tínhamos vontade e ainda aproveitar a festa de ano novo.

3-1916894_1233553163326512_3104247161652247404_n

Mais sobre MADRID…

Visitei novamente pontos famosos e importantes da cidade, como a Prefeitura de Madrid, a Plaza Puerta Del Sol; a Plaza Mayor; o Museo del Prado; o Mercado de San Miguel e; o meu parque favorito de toda a Europa, o Parque Del Buen Retiro.

3-x 1-xx1

7-10334323_1233554273326401_3675568327468839832_n  

Dessa vez, passeei também por um parque que não tinha visitado ainda… mas, gostei muito, o Parque del Oeste. E lá no comecinho desse parque fica o famoso Templo de Debod – um Templo egípcio no meio de Madrid, que também não conhecia e adorei.

2-xx4

O parque é uma graça e oferece uma das melhores vistas da cidade, com direito a ver de cima o Palácio Real e Catedral da Almudena, por exemplo… formando uma “fotografia” maravilhosa de Madrid. Aahh, e dizem também que o pôr do sol visto de lá é incrível… eu fui pela manhã, então não pude vê-lo, mas, só pelo que eu pude apreciar durante o dia, acredito que vale a pena se programar e visitar o parque no final da tarde.

Já sobre o Templo de Debod, que, como comentei, fica dentro do parque, tenho que falar que o achei muito interessante… principalmente pela sua história. Esse Templo foi um presente do Egito para a Espanha, que ajudou a salva-lo.

4-xx6

O Templo, que é do século 2 a.C., ficava na região onde, em 1970, foi construída a represa de Assouan e, por isso, ele iria submergir quando a barragem ficasse pronta. Mas, a Espanha e outros países ajudaram a “salva-lo”, fazendo doações em dinheiro para ele ser retirado do local e transportado para outro. Como agradecimento à Espanha – que foi o país mais generoso nesse “resgate” -, o Egito deu o Templo de presente para o país.

O Templo, que foi construído para homenagear os deuses Amón de Debod – o pai dos ventos, e a deusa Isís Filé – deusa da maternidade, tem três estruturas de pedras: dois “portões” e o “Templo principal”.

É possível entrar no Templo principal, que é composto por pequenas salas repletas de desenhos egípcios. É bem interessante.

3-xx5

A visita ao Templo é gratuita. Ele fica aberto das 10h- 14h e das 16h–18h durante a semana e, nos finais de semana, o horário de visitação é somente das 10h-14h.

Ahhh… vale falar que ao redor do Templo tem um espelho d’agua, formando uma imagem muito bonita… templo, espelho d’água, vista do parque. Acho que vale muito a visita.

2-1173822_1233552243326604_7935084793930854852_n-1

Outra coisa importante que tenho que falar sobre minha segunda vez em Madrid é que, como já falei, passei o ano novo lá. Foi bem legal, mas, assim como Berlim, onde já estive em uma virada do ano também (veja mais sobre esta viagem clicando aqui), não é tão bonito como no Brasil!

O povo é muito animado e a festa de ano novo começa até antes…. um dia antes as ruas do centro já estão cheia de gente festejando. Mas, mesmo assim, a noite da virada para o ano novo não é tão colorida e “explosiva” como no Brasil (sim….sinto falta dos fogos de artifício, rsrs).

Passamos a virada do ano na Plaza Puerta Del Sol, onde tem uma famosa festa de ano novo (é tipo a Copacabana ou a Avenida Paulista deles, rsrs).

4-1936441_934223789979790_3150368448986008130_n

6-10011460_934223859979783_5438781390840730336_n

A região da Puerta Del Sol fica fechada e filas gigantes são formadas para entrar na praça. Lá todo mundo fica esperando as 12 badaladas do relógio central. Assim que o relógio começa a “tocar”, para trazer boa sorte ao ano que está começando, todo mundo come 12 uvas… uma famosa tradição espanhola de ano novo.

Enquanto a ano novo não chega, os espanhóis e turistas que estão na praça ficam curtindo a noite, com músicas e bebidas para esquentar um pouco a noite de inverno.

Depois da virada no ano, saímos da praça procurando alguma festa para ir e encontramos uma festa de rua muito animada e “diferente”… a festa do Corpo de Bombeiros, rsrs. Não consegui descobrir até agora se essa festa tem todo ano ou se foi uma grande coincidência – deles estarem somente fazendo uma festa particular e ter virado uma festa para o povo, rsrs. Só sei que estava muito animada e tinha muita gente na porta do prédio do Corpo de Bombeiro dançando e festejando com a corporação da cidade. Estava bem engraçada.

1-945899_934223689979800_7470619681095143_n

Mas, tirando essa festa “ diferente” que eu fui (e amei), sei que existem grandes festas de ano novo nas baladas da cidade. Não são tão baratas, mas dizem ser muito boas. Vale a pena pesquisar.

Bom… essas são minhas novidades de Madrid. Preciso falar que gostei muito mais da cidade nessa segunda vez por lá.

Aliás, vale falar outra vez que eu descobri que gosto muiiito mais de visitar um lugar/cidade pela segunda vez, do que pela primeira. Tudo parece ser mais fácil e “conhecido”, e também não sinto aquela “pressão” de querer visitar tudo que a cidade oferece e, às vezes, ter que correr contra o tempo para fazer tudo, rsrs.

4-xx

Assim como amei voltar a Toledo, foi ótimo estar em Madrid outra vez. O que mais gostei foi poder fazer coisas que não tinha feito na primeira vez que visitei as duas cidades.

Bom… de Madrid, fomos para Toledo, que fica a 70 Km da capital espanhola. E, depois fomos para Barcelona, onde ficamos 4 dias e foi maravilhoso!! Barcelona é uma das minha cidades preferidas e breve vou contar como foi minha segunda vez na cidade.

Aproveitem mais um pouco de Madrid. Espero que gostem das dicas sobre os novos lugares que visitei, e se for passar a festa de ano novo por lá, que seja tão divertida como foi a minha. Feliz Natal e um ótimo ano novo.

Texto by Flávia Pigozzi.

Fotos by Paulo Henrique Pigozzi

Acompanhe outras dicas e informações em nosso canal no facebook. Curta #viveajantes. Veja nossa galeria de fotos no Flickr, inscreva-se em nosso novo canal de vídeos no Youtube. Entre em contato, mande suas críticas, sugestões, contribuições via e-mail: viveajantes@bol.com.br  . E não perca nossas postagens. Novo conteúdo todas as semanas.

Veja nossa galeria:

 

O que você achou dessa postagem?
  • Deu muita vontade de viajar (2)
  • As dicas são fantásticas (1)
  • Incrível (0)
  • Sensacional (0)
 

2 Comentários

  1. Mas uma matéria super legal, cheia de ótimas dicas. Adorei

     
    1. Author

      Obrigado, Luciana! Legal contar com sua audiência. Grande abraço.

      Ricardo Seripierro – Equipe Viveajantes

       

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *